Seu navegador está desatualizado!

Atualize o seu navegador para uma melhor visualização do site. Atualizar agora!

X

Voltar

Mercado Aquecido

Engenharia Civil está em alta e com boa perspectiva para os próximos anos.

O mercado de trabalho para o Engenheiro Civil está bom e súper atrativo. É o que diz Givanildo Garlet, coordenador do curso da Universidade de Caxias do Sul (UCS). Segundo ele, o Brasil está em desenvolvimento e com uma boa perspectiva para os próximos anos.

— O Brasil é um país em desenvolvimento e que precisa avançar para se tornar uma das maiores economias do mundo. Para tanto, investimentos em obras de habitação, infraestrutura, mobilidade urbana e saneamento são fundamentais e nos dão uma ótima perspectiva para as próximas décadas.

Garlet destaca que a área que mais emprega engenheiros é o setor de edificações:

— A área que mais tem empregado é o setor de edificações em geral, que se encontra bastante aquecido. Contribuem para esse cenário o bom momento da economia brasileira, as linhas de créditos de juros menores e prazos mais longos par financiamentos habitacionais e também, o grande volume de recursos e obras necessários para eventos como Copa do Mundo e Olimpíadas.

O coordenador conta que, para o profissional de Engenharia Civil se destacar no mercado, é preciso ganhar experiência durante a graduação e, depois de formado, seguir estudando:

— Para buscar espaço no mercado, o profissional precisa identificar uma área de atuação e buscar se aprimorar continuamente. Primeiramente ganhando experiência e procurando estagiar durante a faculdade. As empresas profissionais comprometidos com metas e resultados. Esse comprometimento, associado a educação continuada por meio de cursos de aperfeiçoamento e pós graduação, vai fazer a diferença.

O professor Garlet salienta que o Engenheiro civil possui uma ampla área de atuação profissional. Pode atuar no projeto e construção de edificações residenciais, comerciais e industriais, incluindo todos os projetos complementares às obras, bem como a planejamento e gestão do processo construtivo. Outros ramos de atuação é a área de infraestrutura, composta por obras, como estradas, pontes, portos, aeroportos, barragens e túneis. Além da área de saneamento que envolve o sistema de captação e e tratamento de água e esgoto. Também as obras de terra, como a engenharia geotécnica, especializada em fundações e contenções, além de áreas mais recentes que vem surgindo com o avanço tecnológico.

Fonte: Pioneiro.

 

Dicas e notícias
Veja mais
  • STJ decide que condomínios não podem proibir pets em casa

    RIO — O Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu nesta terça-feira que os condomíni...

    TEMPO DE LEITURA: 1 MINUTO
  • Como tornar cozinhas compactas mais aconchegantes

    Por mais que você procure por cozinhas amplas no mercado imobiliário, vai perceber que e...

    TEMPO DE LEITURA: 2 MINUTOS
  • Ganhadores do Sorteio Mercado Chic

    Durante a edição de outubro do Mercado Chic, realizada no dia 06/10/18, os corretores...

    TEMPO DE LEITURA: 1 MINUTO